Orçamento Gratuito : Ligue AGORA e Agende uma Visita Cel/Whatsapp.(11) 97038-3373

Novo golpe do WhatsApp promete cupom grátis e já fez 400 mil vítimas

A empresa de segurança eletrônica PSafe informou nesta sexta-feira, 29, que um novo golpe tem se espalhado pelo WhatsApp. A ameaça volta a usar o nome da loja de cosméticos O Boticário, com a promessa de entregar um cupom grátis no valor de R$ 150 para compras na rede.

Obviamente, o tal cupom é falso e a promoção é um golpe. O link para a promoção é compartilhado por WhatsApp e leva a vítima a uma falsa página com o logo do O Boticário. O usuário precisa responder três perguntas e, em seguida, é levado a cadastrar seus dados num serviço de SMS pago.

A vítima acaba sendo obrigada a pagar por mensagens recebidas por SMS sem saber. Em algumas variantes do golpe, o usuário é levado a baixar aplicativos maliciosos que podem trazer vírus para o celular. Em seguida, a pessoa é incentivada a compartilhar a falsa promoção com mais usuários.

Similar Articles

Manutenção Bem-vindo ao WordPress. Esse é o seu primeiro post. Edite-o ou exclua-o, e então comece a publicar!
Microsoft apresenta Surfa... Microsoft apresenta Surface Studio e Windows 10 que exibe conteúdo 3D PC all-in-one tem tela fina e custará US$ 3 mil nos EUA. Em 2017, Windows 10
Windows 10 supera 8.1 e s... O Windows 7 ainda reina sozinho como sistema operacional mais popular do mundo, mas ele precisa começar a se cuidar, porque o Windows 10 está chegando. Um
Dell ou Avell: veja a mel... Então você decidiu pesquisar por notebooks para jogos. É um nicho de mercado interessante que tem ganhado cada vez mais atenção das fabricantes de laptops, aproveitando uma
Apple remove de sua loja ... A Apple removeu um grande número de aplicativos de sua loja online após ter descoberto que cerca de 40 deles haviam sido infectados por uma versão modificada do
Especialistas em seguran... Especialistas em segurança da PCRisk identificaram o eFast Browser, um malware que substitui o Chrome por um navegador infectado no computador. Segundo os técnicos, o eFast Browser